LuMoraes

"Me encante com uma certa calma, sem pressa. Tente entender a minha alma". Pablo Neruda

Textos


(Imagem Google)
 
 
Sete Vidas


 
      Livia olhou para o relógio e apressou o passo, em direção à garagem do edifício em que trabalhava, pois já estava atrasada para a manicure e ainda teria que deixar o carro na oficina do Rodolfo, para que, enquanto estivesse a fazer as unhas, ele providenciasse a troca de óleo, lavagem e limpeza do veículo.
      Chegando ao local, foi logo deixando as chaves do carro com Rodolfo e pediu-lhe que, caso ela não retornasse antes do término do seu expediente, que ele deveria levar o carro até ela, pois a manicure ficava a uma quadra dali. Assim combinado, ela saiu às pressas para não perder o horário.
     Chegou lá esbaforida, mas a tempo de ser atendida prontamente por Lenice.
      Por volta das cinco da tarde, Rodolfo subiu as escadas que dava acesso ao salão de beleza, onde Livia se encontrava, e entregou-lhe as chaves, conforme combinado, informando que havia deixado o carro logo em frente ao salão. Livia acertou o pagamento, agradeceu ao amigo e este retornou para a oficina, pois ainda teria que encerrar o seu expediente.
      Faltava passar o spray secante de unhas quando Rodolfo adentrou na sala, desesperado, pedindo à Livia que lhe emprestasse as chaves do carro dela porque ele achava que havia deixado alguma coisa lá dentro.
      Algum tempo depois, ele retornou com seu  gato, Mingau, em seu colo, que apresentava um ferimento na patinha traseira e no rabinho e ninguém entendeu o que estava acontecendo.
     Rodolfo, então, diante dos olhares de interrogação das moças, explicou: quando ele estava fazendo o serviço no carro, Mingau, provavelmente, encontrou um cantinho quente próximo do motor do carro e lá ficou, sem que ninguém o visse. Ao fechar o capô do carro ele não percebeu o felino lá dentro e este ficou preso. Quando procurou por Mingau para ir para casa, este não respondeu aos seus chamados e depois de procurá-lo por todos os lados, veio-lhe à cabeça que talvez ele pudesse estar no veículo, o que foi confirmado ao abrir o capô e  ver o bichano que agora miava assustado e aliviado, como que agradecendo-lhe o resgate, o qual Rofolfo conseguiu fazer com certa dificuldade.
   Felizmente, foi um final feliz, porque, por um milagre, os ferimentos não foram graves, mas, com certeza, se gato tem sete vidas, uma delas Mingau já havia gasto nessa aventura!






Obrigada pelo acesso. Deixe o seu comentário
para que eu possa retribuir o carinho da sua visita.




http://www.luciamoraes.prosaeverso.
Lucia MoraŽs
Enviado por Lucia MoraŽs em 22/10/2019
Alterado em 30/10/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


ComentŠrios

Site do Escritor criado por Recanto das Letras