LuMoraes

"Me encante com uma certa calma, sem pressa. Tente entender a minha alma". Pablo Neruda

Textos


(Imagem Google)


 
O Poder do “Não” é Libertador!



Decidi, por mim, ouvir a voz da razão,
então, corajosamente, eu disse “Não”!
Resolvi enfrentar todos os conflitos
e assumir, responsavelmente, os riscos.

O poder do “Não” é sublime,  libertador!
O medo paralisa, é um fantasma ameaçador
que me faz refém compulsória de mim mesma
e me prende, em correntes imaginárias e algemas.


O “Sim” é mágico, tem um doce sabor, especial
e quando o digo para mim mesma... é essencial!
“Sim” à vida, aos meus direitos, à liberdade,
“Sim” ao amor por mim, amor de verdade!


É fazer tudo que acho que é certo, sem medo,
e se estiver errada, dane-se, ninguém é perfeito!
É apenas uma face da moeda no jogo da vida,
mas perder não quer dizer que me dou por vencida.

Tenho o caos dentro de mim, mas vou até o fim,
sou guerreira, destemida, mostro para o que vim.
Às vezes, confesso, morro, mas, das cinzas, renasço,
voo para o infinito e reconquisto o meu espaço!





 
Obrigada pelo acesso. Deixe o seu comentário
para que eu possa retribuir o carinho da sua visita.





http://www.luciamoraes.prosaeverso.
Lucia Moraës
Enviado por Lucia Moraës em 22/05/2020
Alterado em 23/05/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras